Jovens têm até 8 de maio para tirar título eleitoral e participar das eleições

By Apr 3, 2024

Jovens entre 16 e 18 anos têm até o dia 8 de maio para tirar o título eleitoral e garantir sua participação nas eleições municipais deste ano. O documento é essencial para exercer o direito do voto e escolher os representantes que ocuparão os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador pelos próximos quatro anos nos municípios do país. Entre os dias 18 e 22 de março, a Justiça Eleitoral promoveu a Semana do Jovem Eleitor 2024, junto com o lançamento da campanha “Participe do Festival Primeiro Voto com a Justiça Eleitoral – A sua voz vai fazer história” nas redes sociais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A ação visa estimular o engajamento dos jovens no processo eleitoral, com a realização de atividades especiais em escolas, voltadas especialmente para esse público. A interação com os jovens ressalta a importância da participação no processo eleitoral como forma de fortalecer a democracia. A Justiça Eleitoral destaca que ao votar, os cidadãos têm o poder de influenciar o futuro de suas cidades e estados. No pleito presidencial de 2022, figuras públicas como a cantora Anitta, a atriz Bruna Marquezine e outros artistas como Zeca Pagodinho, Luísa Sonza, Carlinhos Brown e o ator norte-americano Mark Ruffalo incentivaram os jovens de 16 e 17 anos a tirarem o título eleitoral e participarem das eleições. Como resultado desse esforço, em 2022, mais de 2 milhões de eleitores nessa faixa etária se cadastraram para votar, representando um crescimento significativo em relação ao pleito de 2018. O procedimento para tirar o título eleitoral pode ser realizado pela internet, através do sistema autoatendimento TítuloNet ( clique aqui ). O jovem deve preencher todos os campos com seus dados pessoais e anexar pelo menos quatro fotografias para comprovação de identidade. Após o envio da solicitação, é possível acompanhar o processo pela internet e posteriormente emitir o título eleitoral no cartório mais próximo. É importante ressaltar que o voto é facultativo para jovens entre 16 e 18 anos, assim como para idosos acima de 70 anos. No entanto, aos 18 anos, o alistamento eleitoral é obrigatório e a ausência nas urnas pode acarretar em problemas para emitir documentos e até mesmo se matricular em instituições de ensino. A Justiça Eleitoral disponibiliza um site dedicado ao jovem eleitor para esclarecer dúvidas e incentivar o exercício da cidadania através do voto: https://www.justicaeleitoral.jus.br/jovem-eleitor/  

By

Related Post

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *